quinta-feira, 13 de janeiro de 2005

Maldito ego

Por que ele não é timido? Esse maldito que aparece ao ouvir o mais baixo dos chamados. Pior é o fato de algumas pessoas terem o poder de percepção, ou faro, desse calhorda. Mesmo quando estou me ferrando, um elogio o faz surgir e se eu não estiver tão puto a ponto de dar uma móca no talzinho, ele passa por cima e pronto: me ferro menos (assim esse verme me faz pensar).

Passei um dia insano. Cheguei na agência às oito e poucas e já atendi telefonema. Tive uma reunião com o Midas brasileiro e fui a Barra da Tijuca às 22h entregar material pra cliente. Mesmo assim ele ouviu alguns comprimentos e se colocou acima da minha noção de "me fudi e deveria fazer algo em relação a isso".

Bom, prejuizo tomado e anotado. Um dia ainda dou cabo desse pulha.

móca: variação de coquinho; soco dado com a base do punho na moleira de outro; catarse com a capacidade de resolver qualquer problema com o já citado outro;

7 comentários:

Gavlês disse...

Duas coisas:
a) É sempre assim... O ego sempre atrapalha, sempre nos atrapalha, ou pelo menos nos deixa incomodados devido as situações em que ele resolve aparecer... Mas uma móca não resolve... Tente afogá-lo... Acho que pode dar mais resultado!
b) Eu não quero conhecer o Red Light filial BSB... Eu apenas perguntei o que eu não sabia... E quem precisa de RL-BSB? Aqui a mulherada tá matando cachorro a PSIU! E antes que me pergunte: Não fiz a dieta da sopa!

(comentário feito originalmente em 13/01/05)

Cris disse...

Mano,

Há anos estou tentando lidar com o meu Ego, e o danado sempre me prega peças. Minha última tentativa foi bem interessante. Dividi meu Ego em múltiplas personalidades e botei ele no blog pra mostrar pro mundo como ele é ridículo. E o que aconteceu? Ele foi elogiado! Acho que vou apelar para a violência!

beijins

(comentário feito originalmente em 13/01/05)

Marcelo Saraiva disse...

Não diria que foi um caso de ego... mas de satisfação e reconhecimento, ao trabalho corno que vc teve. O principal é não esquecer o trabalhão que deu até chegar ao ponto de chegar ao elogio - pois esse tem que vir mesmo !

(comentário feito originalmente em 13/01/05)

Fasa disse...

Cara...
Não tente vencer o seu Ego... é luta perdida. Eu sei, eu sei, a gente às vezes se fode redendo por causa dele, mas a vida é assim... Eu, pelo menos, ainda prefiro com ego do que sem.
Forte abraço!

(comentário feito originalmente em 14/01/05)

Frank disse...

Concordo com o Fasa. Lutar contra o ego é inutil. Melhor é usá-lo ao seu favor, ter senso crítico e saber ser humilde quando for necessário. nem demais, tampouco de menos. A não ser, é claro, que vc queira ser um budista praticante...

(comentário feito originalmente em 14/01/05)

disse...

Dar nome aos bois-sentimentos é sempre um bom começo para mim. Ajuda a mostrar quem é que (teoricamente) manda na bagunça do cérebro.

(comentário feito originalmente em 16/01/05)

Nanã disse...

Esse pessoal fala muito bonito... O que eu quero mesmo saber é: por que vc não foi me procurar na mega-esteira depois de falar com o Midas?! =p Fiquei esperando, Dom Leleio!

(comentário feito originalmente em 18/01/05)